"Raí-Cai"


Esqueço-me de princesas,
Invoco a Deusa da beleza.

Acordando todos extintos,
Provocando fraquezas.

Despertar maneiras…
Faz nascer toda esperteza
.         
             Que frieza do meu amor,
Esqueceres do nome daquela flor.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Mente cinzenta: O mal entre instintos e consciência.

O infinito corredor

A melhor parte de mim.